Luh Keler

Constelação Familiar

Por Luh Keler

 

O método das Constelações Familiares foi desenvolvido pelo psicoterapeuta alemão Bert Hellinger (1925-).

 

Hellinger nasceu em Leimen, Alemanha, foi seminarista, combateu na 2ª Guerra Mundial e foi preso na Bélgica. No fim da guerra, tornou-se padre e foi para a África do Sul como missionário católico. Durante os 16 anos que foi missionário, conviveu com os povos Zulus observando o sistema de relações familiares. No final dos anos 1960, Bert Hellinger voltou à Alemanha, deixou o clero, passou a estudar Gestalt-Terapia, e foi a Viena estudar Psicanálise.

 

Hellinger desenvolveu o método das Constelações Familiares a partir da observação de padrões de comportamentos que se repetem em famílias e grupos familiares através de gerações, fundamentadas em diversas formas de psicoterapia. Entre as influências, podem ser citadas: a Escultura Familiar – Terapia Familiar (Virginia Satir), a Psicanálise (Sigmund Freud), a Hipnose (Milton Erikson), o Psicodrama (Jacob Levy Moreno), a Terapia Primal (Arthur Janov), a Terapia Transacional (Erci Berne), o Pensamento Sistêmico (Gregory Batesons).

 

Ele teve o mérito de organizar de maneira ímpar todo o conhecimento sistêmico e o organizar em três leis chamadas Leis do Amor, ou Ordens do Amor, ou Leis da Vida, ou ainda Leis Naturais, que são:

 

- Pertencimento – a necessidade de pertencer.

- Equilíbrio de troca – a necessidade de preservar o equilíbrio entre o dar e o receber.

- Hierarquia – a necessidade da segurança, de ocupar seu próprio lugar.

 

Equivocadamente o termo foi traduzido para o português como “constelação” que nada tem a ver com as estrelas. Constelar, deriva do verbo alemão que significa revelar, iluminar, colocar luz.

 

Hoje em dia, as Constelações Familiares sãoutilizadas em vários setores, no atendimento terapêutico individual e em grupo, no trabalho de consultoria para organizações e empresas e na educação.

 

Ao abordar um assunto por meio da Constelação Familiar, o cliente/paciente vê de fora, na sua frente a representação da sua dinâmica familiar, de seu sistema. E, dessa forma, consegue observar aquilo que está se passando e não está conseguindo resolver. Ao trazer à luz essas situações, as dinâmicas ocultas são eliminadas. Para restabelecer o equilíbrio dos sistemas, as ordens do amor são evocadaspara serem restabelecidas.

 

A Constelação Familiar Xamânica não difere da tradicional, visto que toda constelação é xamânica e o xamanismo é sistêmico. Além disso, foi observando como os povos Zulus viviam e honravam seus ancestrais que Hellinger teve acesso às primeiras constelações. Os trabalhos realizados com uso de ferramentas e instrumentos xamânicospossibilitam intervenções terapêuticas mais profundas e efetivas.

 

IMPORTANTE: Atendimentos para grupo ou individual somente através de agendamento. Favor entrar em contato para consultar disponibilidade, valores e formas de pagamento. Clique aqui!